Atendimento 24 h (41) 3029-5284
Responsável Técnico: Luiz Felipe Ximenes Cibin CRMV-PR 4697

Saiba em quais situações seu Pet precisa de cuidados hospitalares

    AvançarVoltar
    levet

    Saiba em quais situações seu Pet precisa de cuidados hospitalares

    Para quem tem um animal de estimação, o bem estar dele é sempre muito importante. Entretanto, algumas vezes se deparam com situações das quais ficam sem saber a melhor atitude a ser tomada. Ao ver seu Pet com sintomas fora do normal, surge questionamentos sobre a necessidade de uma internação ou algum tipo de cuidado especial em um hospital.

    Em algumas situações, é preciso de agilidade. Por isso, é importante que o tutor esteja sempre atento aos pequenos sinais, para poder perceber com antecedência se há algo de errado. Pensando em uma forma de ajudar a identificar possíveis problemas, confira algumas situações onde é necessário a procura de atendimento hospitalar para seu Pet:

    • Alteração na quantidade e frequência de urina por dia e também mudanças na sua coloração;
    • Boca e língua arroxeadas, brancas ou amareladas são sinais de alerta;
    • Prostração excessiva, não ingerir alimento ou água, mesmo após estimulação;
    • Quadros de vômitos recorrentes ou há mais de 12 horas sem parar;
    • Diarreias líquidas há mais de 12 horas;
    • Vômitos e diarreia com sangue devem receber atenção e hospitalização o mais rápido possível;
    • Andar cambaleante, bem como andar em círculos e desmaios súbitos devem receber atenção imediata;
    • Salivação excessiva, agitação fora do normal com vocalizações e olhos esbugalhados;
    • Dificuldade em respirar é também considerado urgente devendo procurar atendimento para um diagnóstico preciso;
    • Qualquer tipo de trauma, mesmo sem sangramento evidente requer cuidado e internação;
    • Portadores de enfermidades crônicas como: renais, cardíacas e hepáticas em tratamento, caso apresentem qualquer sinal citado acima devem ser atendidos imediatamente.

    E aí, o que achou das informações para identificar alterações de comportamento de seu Pet? Vai conseguir identificar caso ocorra algo com ele? Diz pra nós aqui nos comentários.

    • 5ca82dd92300008903ea18fb

      Protocolo Vacinal

      Sabemos que ter a vacinação humana em dia é muito importante e com os nossos pets não é diferente. Por isso, preparamos um protocolo vacinal para que você fique ciente de quais vacinas o seuVer +

    • maxresdefault

      7 Formas do seu Felino demonstrar Carinho

      É muito comum escutarmos que os gatinhos não gostam de humanos, mas sim da casa onde vivem, ou ainda, que eles não interagem com pessoas e não demonstram amor. Isso acarreta em um número maiorVer +

    • posts_levet_11-27-02

      Práticas esportivas com o pet

      A necessidade de atividade física do animal de estimação depende da idade, estado de saúde, raça e temperamento. Há cães que precisam de pouco exercício e há outros que a hiperatividade é tão grande, queVer +

    • 11-04-06

      Hiperplasia e Neoplasia Canina

      Muitas são as doenças que podem acometer a próstata do cão, uma delas é a Hiperplasia. Essa doença tem relação com os fatores hormonais do animal e é mais comum se manifestar em cães maisVer +

    • posts_levet_escolhapet-02

      10 passos para escolher o lugar para comprar seu pet

      Quase sempre a compra ou adoção de um pet se dá por impulso, então, para escolher bem um novo pet, reunimos algumas dicas importantes para você não errar na escolha.   ✅Bem estar e SaúdeVer +

    • 07-10

      Ambiente para gatos

      Em uma pesquisa feita pelo IBGE em 2018 revelou que, há em torno de 22,1 milhões de gatos de estimação no Brasil ????. Muitos destes felinos vivem em casas ou apartamentos pequenos, nos quais éVer +

    • _

      AVC em Pets

      Acidente vascular cerebral Acidente vascular encefálico (AVE) é semelhante ao acidente vascular cerebral (AVC) em humanos, e se caracteriza por uma disfunção vascular seja por isquemia ou hemorragia. Acomete principalmente animais de meia idade eVer +

    • 10-09

      Setembro Amarelo – Prevenção ao Suicídio

      Antes de ter a companhia de um cão ou gato em casa, nós inventamos várias desculpas para não os adotar, pois dá muito trabalho, gera gastos, faz bagunça, late, chora e etc. Mas, quem realmenteVer +

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    20 − cinco =

    AvançarVoltar
    Fale Conosco via WhatsApp